lente de contato

 

                                                                         

Descubra como ter um sorriso de estrela

Uma verdadeira revolução no campo da estética odontológica.

Assim podemos definir as lentes de contato, uma nova tecnologia que veio para transformar os sorrisos de pessoas de todas as idades.

Diferentemente do clareamento dentário, que apenas têm a função de deixar os dentes mais brancos, as lentes de contato, além de também serem utilizadas para este fim, também têm a função de corrigir pequenos espaços entre os dentes e a minimizar o desgaste do esmalte, entre outros benefícios, deixando-os mais harmônicos e perfeitamente alinhados.

Os resultados são surpreendentes e explicam o sucesso desta técnica nos consultórios no mundo todo e também aqui na Be Clinic.

Tratamento sob medida com resultados incrivelmente naturais.

Curioso pra saber como é feito o procedimento com lentes de contato? Descubra agora!

Utilizando um software 3D o dentista faz uma análise das condições em que se encontram os seus dentes e propõe o tratamento mais adequado.

Em seguida, é feito o design das lentes de contato, depois o preparo e por último a colocação. Na maioria dos casos não é necessária uma intervenção cirúrgica, o que pode ser considerada uma grande vantagem com relação a outros tipos de procedimentos corretivos

Será que as lentes de contato são indicadas para o seu caso? Como saber?

Normalmente, problemas como dentes com pequenos pigmentos as lentes de contato proporcionam resultados bastante satisfatórios. Para dentes muito escuros recomenda-se antes o clareamento tradicional.

As lentes de contato são indicadas também para dentes com fraturas e para correção de pequenos espaçamentos ou desalinhamentos.

Se você chegou até aqui é porque está gostando deste post.

Continue lendo porque tem mais coisas interessantes sobre as lentes de contato que você vai adorar saber.

Você sabe do que são feitas as lentes de contato?

Vamos descobrir juntos?

Resina: é indicada para usos mais emergenciais como corrigir pequenas fraturas ou preencher espaços entre os dentes.

Porcelana: oferece melhor estética e durabilidade, além de ser mais resistente ao amarelamento dos dentes. O custo é mais elevado em comparação com a resina.

Como será que as lentes de contato funcionam?

É mais simples do que você imagina!

O funcionamento das lentes de contato é simples de entender. Elas são lâminas extremamente finas, quase transparentes, que são coladas na superfície de cada dente para melhorar a aparência ou corrigir o formato e a posição.

Os resultados costumam ser excelentes, deixando os dentes mais brancos, harmônicos e perfeitamente alinhados. Em outras palavras: é o tão desejado sorriso de estrela de cinema.

Quais as vantagens da lente de contato?

Você sabia que as lentes de contato apresentam um ótimo custo-benefício?

Confira as vantagens em optar por este tratamento:

  • Lentes ultrafinas e semelhantes aos dentes reais;
  • Resultados super naturais;
  • São muito duráveis;
  • Corrigem pequenas falhas e diferenças de tamanho;
  • Recupera o prazer e o bem-estar em sorrir;
  • O tratamento é rápido e perto de você: em nossa clínica em Uberlândia!

Tem dúvidas sobre o tratamento?

Conheça as mais comuns.

As lentes de contato só servem para deixar os dentes mais brancos?

Não. Elas também são indicadas para fazer pequenas correções no formato e nos espaços entre os dentes, além de cuidar de fraturas.

Quanto tempo duram as lentes de contato?

Elas podem durar 10 anos ou mais. Depende muito dos cuidados que você tem com a higienização.

As lentes de contato resistem a manchas?

Sim, especialmente se forem feitas em porcelana.

Quanto tempo demora pra colocar as lentes de contato?

Geralmente são necessárias três idas ao consultório: na primeira é feito o design, na segunda o preparo e na terceira a colocação.

Fonte:

https://www.minhavida.com.br/saude/tudo-sobre/33417-lente-de-contato-dental

Agora que você conheceu tudo sobre lentes de contato, que tal marcar agora sua consulta na Be Clinic para uma avaliação?

📞 (34) 3232-8931

📱 (34) 99769-3224 

Um distúrbio com 300 causas possíveis e que traz sofrimento e comprometimento da qualidade de vida de quem sofre com este problema.

Estamos falando da dor orofacial, um conjunto de dores que atingem a região da cabeça, face, ombros, pescoço e a cavidade oral.

Como esta região do corpo é complexa por envolver uma grande diversidade de tecidos e estruturas o diagnóstico é essencialmente clínico, mas requer uma investigação aprofundada da origem da dor e a possibilidade de atuação de outras especialidades médicas para ajudar no tratamento.

Quais são as causas da dor orofacial?

Os problemas dentários são responsáveis por mais de 95% dos casos de dor orofacial. A segunda causa mais comum é a disfunção temporomandibular (DTM), seguida por uma longa lista de outros problemas na região orofacial. Os problemas dentários que podem estar por trás dessa dor chata ou em pontada incluem cárie, abscessos dentários, doença periodontal, inflamação da polpa do dente e hipersensibilidade dentinária. DTM é um termo geral que abrange uma variedade de distúrbios da articulação temporomandibular, que inclui inflamação vascular, danos ou doenças do sistema somatossensorial e lesão traumática ou cirúrgica do nervo periférico como outras causas possíveis.

Problemas dentários

O tipo de dor que você sente em um dente ou região próxima a um dente ajuda o dentista a diagnosticar qual é a causa do problema.

A sensibilidade ao ingerir alimentos ou bebidas muito quentes ou frios geralmente indica retração gengival ou uma cárie pequena, mas se você sentir dor aguda ao morder, seu dente pode estar trincado ou ter uma cárie profunda ou alguma restauração pode estar solta.

A dor de dente intensa que irradia para o ouvido, mandíbula e pescoço é um sinal de abscesso dentário. Se você suspeitar de um abscesso no dente, alguns medicamentos ajudam a aliviar a dor, mas você deve procurar um dentista o mais rápido possível.

Disfunção temporomandibular (DTM)

A articulação temporomandibular (ATM) é uma estrutura complexa. Às vezes, os músculos e a estrutura das articulações desenvolvem distúrbios que causam desconforto e dor (DTM). Dor recorrente ou persistente no ouvido, na cabeça, na mandíbula, no dente ou na face e sensação de pressão ou plenitude na região da articulação como os principais sintomas da DTM. Os dentistas diagnosticam essa disfunção após um exame de cabeça e pescoço, exame da cavidade bucal, avaliação cuidadosa dos músculos e verificação da amplitude de movimento da mandíbula.

6 principais tratamentos para dor na ATM:

1. Uso de Placas de Mordida

Também conhecidas como placa de estabilização ou placa de oclusão, estas placas devem ser orientadas pelo dentista e são frequentemente utilizadas no tratamento da ATM, pois atuam relaxando a musculatura, estabilizando a articulação e protegendo os dentes.

Geralmente, estas placas são feitas de acrílico sob medida, e são especialmente indicadas para pessoas que têm bruxismo, que é o hábito inconsciente de apertar ou ranger os dentes, principalmente durante o sono, o que provoca desgaste dos dentes e e desencadeiam a dor na ATM.

2. Fisioterapia

Exercícios de fisioterapia são muito importantes para diminuir a inflamação e aumentar a força e estabilidade da articulação, permitindo um melhor funcionamento da região. O fisioterapeuta irá indicar as melhores técnicas de acordo com cada caso, e envolve a realização de exercícios, sessões de osteopatia, estimulação elétrica, aplicação de vibração de ultrassom ou infravermelho ou terapias com calor ou frio, por exemplo.

Quando a coluna cervical encontra-se envolvida, algumas sessões de osteopatia poderão ser úteis para reposicionar e desinflamar as articulações tanto da cervical como da mandíbula.

3. Uso de medicamentos

Os remédios podem ser indicados pelo médico ou dentista, e costumam ser analgésicos e anti-inflamatórios para aliviar crises de dor. Nestes períodos, o uso de um relaxante muscular também pode ser recomendado para diminuir a tensão na musculatura.

4. Técnicas de relaxamento

O estresse e a ansiedade são causas de piora do bruxismo e da tensão na musculatura da mandíbula, por isso, é importante que sejam controladas para permitir um tratamento eficaz da dor na ATM. Assim, é recomendado procurar o auxílio de um psicoterapeuta ou psicólogo para ajudar nesta questão.

Outras formas de permitir o relaxamento são investir em atividades como meditação, acupuntura, ouvir música, leituras ou outras atividades que possam trazer a sensação de bem-estar.

5. Terapia a laser

A terapia a laser é uma nova técnica de tratamento utilizada para as disfunções temporomandibulares, pois tem efeitos analgésico, anti-inflamatório, cicatrizante e estimulante da circulação sanguínea dos músculos afetados, sendo muito útil para aliviar os sintomas da ATM.

6. Cirurgia

A cirurgia para tratamento da disfunção temporomandibular é reservada para casos específicos ou graves, como a dor causada por uma fratura ou a existência de uma grande deformidade na face.

Além disso, também pode ser indicada quando os sintomas são intensos e não houve nenhuma melhora com o tratamento clínico, o que acontece somente em casos raros.

Se você chegou até aqui é porque está gostando deste conteúdo.

Continue a leitura porque tem mais informações importantes sobre a dor orofacial.

Tipos de dor orofacial:

Articulares – são as disfunções da Articulação Temporomandibular, que causam dor, dificuldade para mastigação, entre outros problemas do sistema articular, muscular e das estruturas associadas.

Miofasciais – a sobrecarga de músculos causada por posturas inadequadas pode levar a traumas nestas estruturas. Outros fatores incluem problemas hormonais, infecções, distúrbios esqueléticos, alterações do sono etc.

Sinusais – são aquelas inflamações de origem alérgica, como as sinusopatias, poliposes, ou ainda relacionadas a câncer, como os abscessos e tumores, além de problemas anatômicos como o septo nasal e alterações na base do crânio.

Neurovasculares – as dores de origem neurovascular costumam ser percebidas como dores musculares mastigatórias. Muitos pacientes acabam procurando tratamento odontológico, mas a origem pode ser enxaqueca ou doenças como a Neuralgia do Trigêmeo, quando uma disfunção atinge os ramos do nervo trigeminal, causando fortes dores na face.

Câncertumores de cabeça e pescoço também podem estar relacionados à dor orofacial. Por isso, uma investigação diagnóstica precisa é fundamental com apoio de exames de imagem ou de análises clínicas, quando necessário.

Como tratar a dor orofacial?

Os métodos de controle da dor em casa podem reduzir a dor orofacial, mas você também deve procurar um médico para obter um diagnóstico.

O dentista pode dar orientações sobre como reduzir seus sintomas em casa. Por exemplo, se você sofre de sensibilidade dentária, pode usar uma escova de dentes de cerdas macias e um creme dental para dentes sensíveis.

O tratamento em casa é eficaz para aliviar o desconforto de muitos pacientes com DTM. As orientações para pacientes com DTM são:

  • Comer alimentos com textura mole;
  • Reduzir os movimentos da mandíbula, como falar, bocejar e mastigar;
  • Aplicar gelo ou terapia por calor úmido.

Conheça os tratamentos mais indicados:

  • Se a causa da sua dor orofacial for um problema dentário, um tratamento odontológico pode acabar com o desconforto.
  • As restaurações, tratamentos de canal, coroas, tratamentos com fluoreto e extrações dentárias como possíveis maneiras de aliviar a dor causada pela cárie e cavitações.
  • No caso da DTM, a fisioterapia feita por um profissional qualificado pode ser a solução para proporcionar alívio. O fisioterapeuta pode ensinar ao paciente exercícios para realizar em casa, associados a um spray de resfriamento ou aquecimento ou estimulação elétrica do nervo.
  • Os medicamentos que ajudam a controlar a DTM incluem analgésicos, relaxantes musculares, injeções locais de anestésicos, corticoides e antidepressivos. Um aparelho bucal ou, em casos extremos, cirurgia também são usados para aliviar os sintomas da DTM.

Embora a dor orofacial seja um sintoma com muitas causas possíveis, não

deixe que isso o impeça de consultar um especialista. Depois de receber um diagnóstico, você pode começar a tomar medidas para reduzir seu desconforto em casa ou com um tratamento médico ou odontológico.

Viu quanta coisa interessante e importante neste conteúdo?

Aproveite e compartilhe este post com seus amigos!

Fontes: Sorrisologia, Tua Saúde, CROSP e Hospital Nove de Julho.

Você tem dores constantes na região da cabeça, rosto, ombros e pescoço?

Agende sua consulta!

Causas, problemas e tratamentos.

As doenças na língua são mais comuns do que imaginamos. Elas podem aparecer como uma simples afta na boca ou estarem relacionadas com doenças mais sérias como o câncer de boca.

Quais são as suas origens, complicações e como podem ser tratadas?

Para descobrir continue lendo este conteúdo que traz muita informação e esclarece as principais dúvidas sobre o assunto.

Como surgem as doenças na língua?

Geralmente, os problemas com a saúde da língua estão relacionados ao estilo de vida de cada pessoa, como hábitos alimentares inadequados, e afetam crianças, adultos e idosos de ambos os sexos.

Doenças periondontais, dentes quebrados que podem ferir a língua, tabagismo e má alimentação também estão entre as principais causas de doenças na língua.

Úlceras e bolhas que surgem na língua podem ter as seguintes causas:

  • Irritação causada por certos alimentos ou produtos químicos;
  • Infecção por vírus do herpes simples;
  • Aftas (estomatite aftosa recorrente);
  • Tuberculose;
  • Infecções bacterianas;
  • Sífilis em estágio inicial;
  • Alergias ou outros distúrbios do sistema imunológico;
  • Lesão causada por morder a língua;
  • Câncer de boca.

Sinais com os quais você deve se preocupar.

Assim como outras partes do corpo, a boca também dá sinais de que algo não vai bem. Por exemplo, pode surgir um caroço na lateral da língua no espaço entre os dentes ausentes. Apesar de as pequenas protuberâncias em ambos os lados da língua serem habitualmente inofensivas, uma protuberância em um único lado deve ser examinada para verificar se é cancerosa.

Áreas vermelhas ou brancas inexplicáveis, feridas ou tumorações (particularmente, se forem duras) na língua, especialmente se forem indolores, podem ser sinais de câncer e requerem uma observação por um médico ou dentista.

A maior parte dos cânceres bucais surge nas laterais da língua ou no assoalho da boca. O câncer quase nunca aparece na parte superior da língua, exceto quando se trata de uma consequência da sífilis não tratada. Por isso, é fundamental ficar atento ao surgimento de feridas, caroços, aftas e mudança de cor na língua.

Consulte regularmente o seu dentista para uma avaliação completa.

Exames preventivos podem detectar doenças graves ainda no estágio inicial, o que facilita o tratamento e a cura.

Conheça os 6 problemas mais comuns e como tratar.

Em qualquer situação, o dentista deve ser sempre consultado.

Ele é o profissional qualificado para analisar o problema e indicar o tratamento correto.

1. AFTAS NA LÍNGUA

As aftas podem aparecer em muitos lugares da mucosa bucal, mas é na língua que elas costumam nascer com mais frequência.

Muitas vezes as aftas ou úlceras ocorrem por mordidas locais, baixa imunidade ou alimentação cítrica.

Como tratar?

Para remover essas lesões, é importante adotar cuidados indicados por um dentista, como o uso de enxaguantes bucais, pomadas e laserterapia.

Em nenhum caso é indicada a aplicação caseira de sal ou bicarbonato na afta.

2. LÍNGUA PRETA PILOSA

A língua pilosa negra é uma condição benigna rara, que acomete adultos e fumantes inveterados. É caracterizada pelo aumento das papilas filiformes do dorso lingual em consequência do aumento na produção de queratina ou por um decréscimo em sua descamação, mostrando um aspecto clínico marcante de ”cabelos” na língua.

Como tratar?

O tratamento consiste na remoção periódica das papilas com escova de dentes ou através do uso do raspador de língua.

3. CANDIDÍASE ORAL

Além dessas doenças da língua, outro problema bem comum que aparece na região é a candidíase oral. É uma infecção fúngica caracterizada pelo aparecimento de placas brancas com bordas eritematosas, que tem presença de ardor e vermelhidão no local, podendo se manifestar, principalmente, na borda lateral.

Como tratar?

O tratamento é realizado com bochechos e o uso de antifúngicos, como a nistatina.

4. MACROGLOSSIA

É uma doença caracterizada por um aumento da língua além do normal. Ela pode estar associada a quadros sindrômicos.

Como tratar?

O tratamento vai depender da causa e da gravidade do problema, que costuma ser a cirurgia de glossectomia parcial.

5. HERPES

Herpes é uma infeção viral que pode se manifestar em qualquer parte do corpo, principalmente na boca. As pessoas costumam entrar em contato com o vírus ainda na infância, mas nem sempre apresenta sintomas.

Em algumas ocasiões a criança sofre com uma infecção subclínica, na qual apresenta alguns sintomas virais, até o organismo controlar o vírus.

Em outros casos, a doença pode se manifestar através de uma infecção herpética, manifestação aguda, que se caracteriza por mal estar geral acompanhado de diversas úlceras ao entorno da boca, gengiva inflamada, dor no corpo, febre e dificuldade para engolir. 

Após essa fase, o vírus fica localizado em um linfonodo, órgão de defesa do organismo, podendo permanecer ali para o resto da vida do paciente, sem ser ativado novamente.

O que pode desencadear uma nova reação são características individuais, como hábitos e costumes do paciente, em algumas pessoas o sol, ciclo menstrual ou estresse podem ser fatores de ativação. Quando ativado, o vírus caminha pelo trajeto nervoso e se manifesta na região labial e peribucal, causando o herpes recorrente.

Como tratar?

Para o tratamento de herpes, as recomendações variam para cada caso. Em crianças a prescrição é de analgésicos e anti-inflamatórios, além de muita hidratação durante os 7-10 dias de manifestação da doença. Em adultos, a medicação é recomendada apenas se essas ocorrências se repetem muitas vezes. O uso de pomada antiviral só apresenta algum resultado na fase inicial da doença, quando as vesículas se rompem, o vírus já realizou o trajeto nervoso e a única indicação é que se mantenha a área limpa até a cicatrização, que deve ocorrer nos próximos cinco ou sete dias.

6. CÂNCER DE BOCA

Todos os anos, 15 mil pessoas são diagnosticadas com câncer de boca no Brasil. É o quinto câncer mais comum em homens, afetando três vezes mais que as mulheres.

A doença é silenciosa, pode apresentar uma ferida que não provoca dor no início. Por consequência disso, 50% dos casos são diagnosticados tardiamente no Brasil, demonstrando assim a necessidade de visitas regulares ao dentista e uma correta atenção com a integridade da mucosa da boca.

Os pacientes mais propensos a adquirir o câncer são geralmente homens acima dos 50 anos, fumantes e que mantém um consumo frequente de bebidas alcoólicas, porém pode acometer pessoas sem esses hábitos, lembrando que poder ocorrer em qualquer idade. O tumor costuma afetar lábios, gengivas, bochechas, céu da boca e língua.

Como tratar?

As principais opções de tratamento para o câncer de boca e orofaringe são cirurgia, radioterapia, quimioterapia, terapia alvo, imunoterapia e tratamento paliativo, que podem ser realizados isoladamente ou em combinação, dependendo do estágio e da localização do tumor.

Quais são os outros problemas podem comprometer a saúde da língua?

Algumas situações mais severas podem contribuir para o aparecimento de infecções de maneira mais agressiva, como no caso de pacientes imunossuprimidos, como portadores do vírus HIV (não controlado), portadores de neoplasias malignas ou outras doenças sistêmicas, principalmente durante o tratamento dessas doenças.

Veja o que fazer para prevenir as doenças da língua:

  • A melhor maneira de prevenir é evitar os hábitos de risco como álcool e tabaco, ficando atento a qualquer ferida, mancha ou aumento de volume que apareça na boca ou na região do pescoço;
  • Mantenha sempre uma boa higiene bucal em casa e faça regularmente uma profilaxia no dentista para remover o biofilme dental (placa bacteriana) da superfície dos dentes e do dorso da língua com regularidade e técnica adequada;
  • Alguns alimentos ácidos e cafeinados como café, chá, abacaxi, alimentos mais duros e crocantes como batata-palha e casquinhas de pão podem provocar feridas na boca e na língua. Comidas muito quentes também podem provocar feridas em locais diferentes, como na mucosa da boca (a parte interior), na língua e até mesmo na gengiva, podendo provocar necrose tecidual e, posteriormente, úlceras ou bolhas em mucosa que variam de tamanho e extensão, e são muito dolorosas;
  • Manter hábitos saudáveis favorece seu sistema imunológico e diminui o risco de outras lesões.

Viu quanta coisa interessante e importante neste conteúdo?

Aproveite e compartilhe este post com seus amigos!

Fontes: Sorrisologia, MD Manuals e FOUSP.

Você tem algum problema na boca ou na língua que está te incomodando?

Agende sua consulta!

Bem-vindos à era dos consultórios digitais.

Quem consegue imaginar o mundo sem as facilidades que a tecnologia dos computadores nos proporciona?

Presente em milhares de dispositivos de uso diário, como smartphones, notebooks e até nos veículos mais modernos, a tecnologia digital avançou e chegou na medicina e na odontologia trazendo benefícios que antes pareciam impossíveis.

Agora, as tarefas que antes levavam horas podem ser feitas em poucos minutos. Além disso, as informações são precisas e nos fornecem dados altamente relevantes para a realização de procedimentos com muito mais segurança.

Confira este conteúdo que traz informações super interessantes sobre o uso da tecnologia digital no campo odontológico.

A inovação que faz todo mundo sorrir.

A tecnologia na odontologia em seu formato digital é a grande inovação nos consultórios odontológicos. Com o uso de computadores, scanners, impressoras 3D e softwares específicos para dentistas os procedimentos estão sendo cada vez mais bem planejados e executados de forma mais rápida.

Essa modernização do setor odontológico traz mais facilidade para o dentista e comodidade para o paciente que tem a disposição procedimentos cada vez menos invasivos, menos doloridos e mais rápidos.

Conheça cinco tecnologias que já são realidade nos consultórios odontológicos:

Impressora 3D

Torna possível fazer o planejamento do tratamento de forma mais eficaz, minimizando as chances de erros para alcançar resultados cada vez melhores para o sorriso dos pacientes.

Para ilustrar a ideia, um paciente que precise realizar a reabilitação oral pode experimentar o seu novo sorriso antes de dar continuidade no tratamento, assim é possível que ele tenha certeza da sua satisfação com o resultado final. Nela também é possível confeccionar as lentes de contato dental, próteses e alinhadores.

Cirurgia Guiada

Permite simular o resultado previamente pelo computador, o que possibilita planejar os melhores posicionamentos do implante para o sorriso do paciente. Além disso, na cirurgia guiada o implante é colocado diretamente no local em que as próteses serão usadas, tornando desnecessária a incisão com bisturi e proporcionando ao paciente uma recuperação mais tranquila.

Tecnologia CAD/CAM

Permite a confecção de dentes previamente projetados pelo computador levado em consideração a cor, o formato, o tamanho e o encaixe. Tecnologia de ponta que garante a confecção da restauração de cerâmica em apenas um dia, com a qualidade e a segurança.

Tomografia Computadorizada 3D

Disponibiliza imagens radiográficas mais precisas, sem distorções ou magnificações. Com esta tecnologia todas as especialidades odontológicas se beneficiam, proporcionando tratamentos bem planejados e, consequentemente, com mais qualidade para o paciente.

Escaneamento Intraoral

Elimina o uso de massas e realiza a moldagem dos dentes do paciente de forma rápida e confortável, tornando possível realizar os ajustes de necessários junto com o paciente. Em casos ortodônticos é possível mostrar uma prévia de como ficará o sorriso após o tratamento com o aparelho.

Está gostando do conteúdo?

Continue lendo porque tem muito mais informação de qualidade pra você.

Procedimentos odontológicos hi-tech: o uso das facetas de cerâmica ultrafinas.

E uma das opções novas que está se tornando cada vez mais popular são as facetas de cerâmica ultrafinas, também chamadas de lentes de contato dentais. Esse tratamento consiste em aplicar peças de 0,2 mm a 0,5 mm de espessura nos dentes que vão ocultar fraturas, má formações, espaços exagerados entre a dentição, cáries e dentes escuros.

As lentes de contato dentárias causam impacto mínimo no dente e podem, inclusive, servir para realizar ajustes finos na oclusão e melhorar a mordida, se tornando mais que um detalhe estético.

A tecnologia na odontologia veio para facilitar a vida do dentista e do paciente.

Conheça os três dispositivos com tecnologia digital mais utilizados atualmente nos consultórios:

Ultrassom cirúrgico

Esse procedimento proporciona um resultado rápido, o que beneficia principalmente o pós-cirúrgico. Além disso, a especialista explica que ele protege as estruturas anatômicas, evitando lesionar um nervo.

Escaneamento oral

Proporciona conforto ao paciente evitando a moldagem. Permite também que o profissional obtenha mais fidelidade das estruturas dentárias do paciente e mais precisão ao planejamento do caso.

Tomografia computadorizada

Facilita a conclusão de um diagnóstico. Ela permite verificar situações onde com um raio-x periapical, por exemplo, não permitiria diagnóstico, além de também apresentar dimensões ósseas para planejamentos de implantes dentários e outros.

Quais são as principais vantagens dessas tecnologias?

Além dos resultados mais rápidos,as novas tecnologias proporcionaram aos profissionais de odontologia mais previsibilidade, precisão, planejamento e rapidez no diagnóstico e nos procedimentos.

Para o paciente, os benefícios promovem o conforto e segurança ao saber que o profissional poderá concluir o quadro com confiança no diagnóstico e o tratamento adequado para recuperar sua saúde bucal.

Apesar de tanta inovação, a tecnologia não substitui os cuidados que devemos ter no dia a dia.

Conhecer os procedimentos odontológicos e ter confiança no trabalho do profissional é muito importante. No entanto, para evitar tratamentos odontológicos que necessitam de intervenção cirúrgica é importante ter preocupação com a higiene bucal no dia a dia, como escovar os dentes após cada refeição e, principalmente, antes de dormir, assim como usar fio dental para retirar resíduos que ficam entre os dentes e acumulam placas bacterianas, utilizar o enxaguante bucal após a escovação e ir ao dentista regularmente para fazer limpeza.

Todos estes cuidados ainda são necessários. Afinal, ainda não inventaram uma escova que limpa os nossos dentes sem que precisemos usar as mãos. Quem sabe em um futuro próximo isso seja possível?

Você sabia que a Be Clinic é um dos centros odontológicos que mais investem em tecnologia de ponta?

Atualmente, os moradores de Uberlândia não precisam se deslocar para outras cidades em busca de tratamentos mais complexos porque a Be Clinic conta com equipamentos de última geração que oferecem a segurança que eles precisam nos procedimentos. É por esta e outras razões que a Be Clinic é considerada um centro odontológico referência em tratamentos inovadores e pioneiro no uso de tecnologia de ponta, como scanner intraoral, radiografia digital e cirurgia guiada, tratamentos modernos que oferecem o máximo de conforto, agilidade e precisão para todos os pacientes.

Venha transformar o seu sorriso!

Gostou de saber mais sobre o assunto? Compartilhe este post com seus amigos!

Fontes: Sorrisologia e Reserchgate.

Os cuidados com a nossa saúde começam pela boca.

Dizem que a boca é a porta de entrada tanto para a saúde quanto para a doença. Depende de nossas escolhas e dos nossos hábitos decidir o que irá prevalecer.

Manter uma rotina saudável de saúde bucal pode nos livrar de diversos problemas e garantir uma vida mais longe possível dos remédios e dos tratamentos médicos ou odontológicos. Portanto, é sempre melhor prevenir do que remediar, não é mesmo?

Para você entender a importância da saúde bucal para o organismo preparamos um conteúdo com informações super importantes que vão ajudar você a cuidar melhor do seu sorriso.

Continue lendo!

Principais cuidados com a saúde bucal que você deve ter.

Você sabia que a cárie dentária e a doença periodontal são os males que mais acometem a cavidade bucal, sendo a cárie o mais comum em crianças? A cárie é um processo dinâmico que ocorre nos depósitos bacterianos (placa bacteriana na superfície dos dentes), resultando em uma alteração do equilíbrio entre a superfície dentária e o fluído da placa que, com o passar do tempo, leva à perda mineral.

Para evitar cáries e outras doenças, o primeiro passo é dar atenção à escovação. Para todos os lugares em que você for leve junto o kit básico de higiene composto por escova, creme dental, fio dental e enxaguante bucal.

A quantidade de pasta de dente aplicada à escova deve ser semelhante a de um grão de ervilha para que a limpeza seja eficiente.

Confira o jeito certo de fazer a escovação:

  1. Imagine uma linha divisória na sua boca separando-a em quatro partes: superior direito e esquerdo, inferior direito e esquerdo.
  2. Escove cada uma delas por, pelo menos, 30 segundos, sem pressa.
  3. Escove as superfícies voltadas para a bochecha dos dentes superiores e, depois, dos inferiores.
  4. Escove as superfícies internas dos dentes superiores e, depois, dos inferiores.
  5. Em seguida, escove as superfícies de mastigação.
  6. Segure a escova em um ângulo de 45 graus e escove com movimentos que vão da gengiva à ponta dos dentes;
  7. Com suaves movimentos circulares, escove a face voltada para a bochecha e a face interna dos dentes, e a superfície usada para mastigar;
  8. Com movimentos suaves, escove também a língua para remover bactérias e purificar o hálito.

Se você chegou até aqui é porque está achando bem interessante este conteúdo.

Continue lendo e aprenda mais sobre saúde bucal.

Outra parte que você não pode descuidar: as gengivas.

Além dos cuidados com os seus dentes, é muito importante também se atentar à saúde das gengivas. O uso de fio dental é imprescindível para remover todos os restinhos de alimentos que ficam presos entre os dentes e que a escova não consegue alcançar, e isso ajuda também na remoção da famosa placa bacteriana, uma das responsáveis pelas doenças gengivais como a gengivite ou periodontite.

Sangramento nas gengivas é sinal de problema.

Normalmente, a gengiva não sangra.

Se isso acontecer, um dos motivos pode ser a escovação errada, quando se exerce muita pressão com a escova ou o fio dental. O sangramento também pode indicar uma doença periodontal e merece atenção.

Procure um especialista para uma avaliação.

Não deixe a língua de fora.

No ritual de higiene bucal, a língua não pode ser esquecida.

Você pode até não acreditar, mas 80% das bactérias da boca ficam alojadas principalmente na língua, e são a principal causa do mau hálito. Por isso, escova nela!

A escovação da língua elimina bactérias e impurezas que podem levar à cárie.

Como fazer a limpeza da língua?

É muito simples! Basta usar a escova de dente ou o limpador de língua. Estes produtos são facilmente encontrados em supermercados.

Antes de adquirir um desses, vale a pena conversar com o seu dentista para ver qual se adapta melhor ao seu caso.

Escove a língua suavemente com um movimento retilíneo de dentro para fora da boca por alguns segundos. Após a limpeza, lave a escova ou o limpador.

Inclua também a gengiva e as bochechas.

Não se esqueça de escovar também a gengiva e as bochechas internamente, pois muitas bactérias ficam alojadas também nessas regiões. Escove-as com bastante delicadeza.

Use sempre o fio dental.

Todos os odontólogos são unânimes em afirmar que o uso do fio dental é fundamental e serve com um grande aliado para a higienização da boca.

Ele deve ser usado diariamente antes da escovação, no mínimo uma vez por dia. Sua principal função é remover os resíduos que se alojam entre os dentes, onde a escova não alcança. Os resíduos que ficam entre os dentes são um chamariz para as cáries. Lembrando que cáries não tratadas levam aos temidos abcessos dentários.

O fio dental deve ser passado suavemente entre todos os dentes, friccionando de baixo para cima.

Qual foi a última vez que você foi ao dentista?

Com a saúde bucal não se brinca. Por isso, é fundamenta você visitar seu dentista periodicamente para um check-up completo.

Além de fazer a profilaxia (limpeza bucal mais completa) ele pode verificar exatamente como anda o estado de saúde da cavidade bucal.

O check-up detecta a presença de doenças e permite o tratamento precoce impedindo a sua evolução.

3 principais problemas causados por maus hábitos de saúde bucal.

1. Mau hálito

Bastante desagradável, o mau hálito (também chamado de halitose) às vezes surge sem percebermos de imediato. Ele pode ter diversas causas, mas a mais comum delas é a saburra lingual, derivada de uma higiene bucal inadequada. Outras possíveis causas são as doenças gengivais e até mesmo fatores externos podem influenciar nesse quadro.

2. Gengivite e periodontite

Sua gengiva sangra durante a escovação? Saiba que pode isso pode indicar uma gengivite, doença bucal caracterizada pela inflamação da gengiva e que acaba deixando a região mais sensível, ocasionando os sangramentos. A principal causa para que esse problema se desenvolva é o acúmulo de placa bacteriana aderido aos dentes, e se isso não for solucionado as chances de que haja uma evolução para a periodontite são bem grandes.

3. Placa bacteriana e tártaro

Também conhecida como biofilme dental, a placa bacteriana é formada pelo acúmulo de bactérias, restos alimentares e outros micro-organismos que ficam aderidos ao dente.

Já o tártaro nada mais é do que o endurecimento da placa bacteriana na superfície dentária, sendo um problema mais visível e que deve ser removido pelo dentista.

6 dicas essenciais para você ter uma excelente saúde bucal:

1. Escolha corretamente seus produtos de higiene

Uma boa higiene começa na escolha dos produtos que serão utilizados na escovação. A escova de dente, por exemplo, deve ter cerdas macias, o cabo reto e a cabeça pequena para facilitar a limpeza em todos os dentes, inclusive aqueles de difícil alcance.

O creme dental deve conter flúor e ser, de preferência, de baixa abrasividade para evitar o desgaste do esmalte.

O enxaguante bucal deve ser usado conforme orientação do dentista, que também deve ser consultado caso você queira utilizar aparelhos como escovas elétricas ou pastas clareadoras.

2. Escove os dentes pelo menos após as principais refeições

É claro que um hálito fresco e um sorriso bonito são importantes, mas a função principal da escovação é remover resíduos de alimentos que podem atrair para a boca diversas bactérias causadoras de cáries e outras doenças que afetam a saúde bucal.

3. Evite alimentos que facilitam o surgimento de cáries

Balas, chicletes, doces e guloseimas são verdadeiros vilões da saúde bucal. Esses e outros alimentos ricos em açúcar atraem rapidamente as bactérias que provocam as cáries e diversas consequências negativas para os dentes, boca e gengivas.

Evite consumi-los e sempre escove os dentes com maior atenção após a sua ingestão.

4. Visite o dentista a cada seis meses

O acompanhamento de um dentista de confiança é essencial para prevenir e detectar problemas que prejudicam a saúde bucal, como cáries e acúmulo de placa bacteriana (tártaro), além de orientar sobre técnicas de escovação e cuidados necessários para um sorriso saudável.

5. Fique atento às lesões na boca

Na hora de escovar os dentes, é importante observar se não existem alterações na língua, no céu da boca ou nas gengivas e bochechas.

Lesões, manchas, placas esbranquiçadas ou pequenos machucados são sinais de atenção e devem ser avaliados por um especialista.

6. Capriche na higiene antes de dormir

Durante o sono, o fluxo de salivação diminui, favorecendo o aparecimento de bactérias e microrganismos que podem afetar a saúde bucal. Por isso, é importante escovar muito bem os dentes antes de dormir, higienizando os dentes e a língua.

Fontes: Compass 3D e Scielo.

Quando se fala em diastema, as pessoas pensam logo em dentes separados. Apesar de ser uma ideia verdadeira, o diastema é mais do que isso. Trata-se de um mau posicionamento dos dentes que na maior parte das vezes ocorre nos dentes incisivos. Ou seja, é mais do que um mero problema de aparência, pois dependendo do grau de afastamento dos dentes pode afetar a mastigação e até a fonética, tornando-se uma situação de má oclusão podendo, inclusive, causar doenças periodontais.

Nas crianças, o problema tende a ser menos preocupante, pois o espaço entre os dentes ajuda na erupção da dentição definitiva cujos dentes apresentam um maior volume. Porém, em adolescentes e adultos a situação torna-se indesejável e, por isso, recorre-se aos tratamentos ortodônticos para corrigir o diastema.

Entenda o que causa o diastema.

São diversas causas que dão origem ao diastema, sendo a mais comum relacionada com uma desproporcionalidade entre o tamanho dos maxilares e o tamanho dos dentes, ou seja, uma maior dimensão do espaço ósseo das arcadas dentárias em relação ao tamanho dos dentes, ou uma dimensão dos dentes menor que a normal (microdontia) face ao espaço existente nas arcadas. Esta característica tende a ser de origem genética.

Outras possíveis causas:

  • Ausência da erupção de algum dente (agenesia)

Os dentes podem se afastar ou desencostar uns dos outros pelo espaço excedente.

  • Inserção baixa do freio labial

Geralmente ocorre entre os dois incisivos centrais (diastema interincisal), onde as fibras desse freio nesse tipo de inserção baixa se prolongam até ao término da gengiva que separa os dois dentes (papila), impedindo assim que os mesmos se encostem.

  • Mordida profunda

Neste caso, os incisivos inferiores tocam por trás dos superiores, projetando-os para frente e separando-os.

Para fechar o diastema será necessário corrigir a mordida profunda primeiro, movimentando os incisivos superiores para dentro do osso, só então será possível fechar o espaço da arcada superior, caso contrário haverá sempre uma tendência à reabertura do diastema.

  • Atividade excessiva ou parafuncional da língua

Pode levar a desequilíbrios no desenvolvimento dos maxilares .

  • Traumatismos e problemas parodontias

A perda do tecido ósseo e gengival dos dentes tende a originar mobilidade dos dentes, e com isso a sua movimentação.

  • Doenças

Síndrome de down, doença de paget, acromegalia ou gigantismo e osteomalacia, entre outras, podem provocar o aparecimento do diastema.

Quer saber mais sobre o diastema?

Siga em frente com a leitura!

Você sabia que o diastema pode causar doenças periodontais?

O diastema pode criar depósitos entre os dentes e a gengiva, onde alimentos tendem a ficar presos. Isso provoca sensibilidade e inflamação na gengiva, podendo levar a uma doença periodontal. Por isso é tão importante tratar o problema logo no início.

Quais os tratamentos disponíveis?

  • Aparelho ortodôntico

Usado para corrigir ou alinhar a posição dos dentes, incluindo as situações de dentes afastados ou diastemas. Neste caso, é necessário colocar uma férula de contenção fixa após ocorrer o fechamento do diastema e remoção do aparelho ortodôntico para impedir que os dentes se voltem a afastar, pois existe uma probabilidade de recidiva maior neste tipo de anomalia.

As forças exercidas pelo aparelho permitem efetuar a correção e alinhar a posição dos dentes.

  • Alinhadores removíveis

Feitos com placa de acrílico. Podem ser removidos, proporcionando mais conforto ao paciente.

  • Prótese fixa

Colocação de pontes, facetas dentárias ou coroas nos dentes para aumentar a dimensão da sua coroa até que se toquem interproximalmente. Neste caso, já implica uma intervenção mais invasiva ao nível dos dentes, com maior ou menor desgaste da superfície dentária, de modo a aplicar as facetas, coroas ou pontes fixas.

  • Resina composta

Proporciona bons resultados nos casos em que os dentes estão levemente afastados.

Em casos de dentes muito separados, fechar o diastema com resina já não será indicado, pois tendem a fraturar ou descolar com relativa facilidade, sendo preterida pela colocação de coroas ou facetas em porcelana ou cerâmica, pois é um material muito mais resistente, além de ser também mais estético.

  • Lente de contato dental

A lente de contato dental é uma lâmina muito fina e resistente que é colada sobre o dente e também pode ser usada para corrigir o diastema.

  • Cirurgia

O tratamento cirúrgico é indicado quando o diastema é causado pelo tamanho anormal do freio labial. Esse procedimento, conhecido como frenectomia, é feito pelo periodontista e tem o objetivo de reposicionar o freio labial e aumentar sua flexibilidade.

Geralmente a cirurgia é suficiente para corrigir o diastema em crianças. Após o procedimento o espaço entre os dentes tende a se fechar sozinho. Adolescentes e adultos podem ter que combinar o tratamento cirúrgico com o uso posterior de aparelhos ortodônticos.

  • Botox

Pacientes com hipertrofia muscular facial relacionada ao diastema podem receber a indicação do uso do Botox (toxina botulínica) para ajudar no fechamento do espaço entre os dentes.

Quanto tempo dura o tratamento?

A duração do tratamento depende da técnica a ser utilizada e do tamanho e localização dos diastemas existentes. Normalmente, o tempo de tratamento varia de 12 a 36 meses, implicando em cada mês uma consulta para controle e ativação do aparelho.

Corrigir os dentes com esta técnica permite manter os dentes íntegros, o que não acontece com o recurso de prótese fixa, onde normalmente ocorre alguma invasão e comprometimento da estrutura dentária.

Conheça os diferentes tipos de aparelhos usados para corrigir o diastema.

  • Aparelho fixo

São apenas considerados para correção nos adolescentes e adultos.

  • Alinhadores removíveis com placa de acrílico

São uma inovação no tratamento do diastema.

Além da vantagem estética, alinhadores invisíveis como o Invisalignpodem ajudar a corrigir espaços extras entre os dentes, proporcionando conforto extra e comodidade no tratamento.

Cabe ao ortodontista decidir qual o melhor aparelho para o seu caso. Ele é o especialista habilitado para avaliar e realizar o procedimento mais adequado, devendo informar ao paciente sobre as vantagens e desvantagens destes tratamentos.

Fontes: Invisalign, Saúde e Bem-Estar, Brazilian Journals.

Saiba como a Ortopedia Funcional dos Maxilares Infantil pode beneficiar seus filhos.

Queixo saliente ou para dentro, dentes tortos ou apinhados, mordida cruzada, falta de espaço para o nascimento dos dentes e dificuldades respiratórias são problemas que afligem diversas crianças e podem estar relacionados aos distúrbios dos maxilares.

Para trazer alívio e melhor qualidade de vida à garotada, a Ortopedia Funcional dos Maxilares Infantil é uma especialidade que atua remodelando e redirecionando o crescimento dos dentes e dos ossos da face da criança utilizando-se dos aparelhos ortopédicos removíveis (móveis).

A importância do uso dos aparelhos ortodônticos.

Os aparelhos utilizados pelos ortodontistas estimulam a rede de neurônios sensoriais na região da boca, enviando a mensagem até o sistema nervoso central, que remodelará as estruturas de um sistema denominado estomatognático. Esse sistema é fundamental para a mastigação, deglutição, fala, respiração e sucção e é formado por várias estruturas, dentre elas, a mandíbula, a maxila, as ATMS (articulações temporomandibulares), os arcos dentários, os músculos mastigatórios, entre outras.

Para que atuem corretamente, esses aparelhos ativam a musculatura promovendo a remodelação óssea, muscular, articular e funcional da face.

Quais são as causas de alterações na mordida durante a infância?

Em geral, pode ser ocasionada por fatores externos e ambientais que levam a alterações neuromusculares, o que acaba causando a má oclusão.

Entre as principais causas estão:

  • Hábito de chupar o dedo ou chupeta;
  • Uso prolongado de mamadeira;
  • Perda precoce de dentes;
  • Postura inadequada desde bebê;
  • Respiração bucal;
  • Amamentação natural insuficiente;
  • Mastigação ineficiente;
  • Falta de estímulo mastigatório correto;
  • Causas genéticas.

A atuação precoce é fundamental para o sucesso do tratamento.

A atuação precoce previne desequilíbrios mastigatórios, assimetrias de desenvolvimento, disfunções articulares e problemas periodontais (de gengiva), diminuindo ou simplificando a necessidade futura de uso de aparelhos ortodônticos. Por isso é tão importante uma intervenção logo nos primeiros anos de vida.

O que a Ortopedia Funcional dos Maxilares trata?

1. Alterações mandibulares

A má oclusão é um problema que, caso seja tratado de forma prematura, pode prevenir contra o desenvolvimento ou o agravamento de condições futuras, relacionadas com a mordida.

Além disso, as alterações mandibulares podem estar relacionadas com problemas nasais, fazendo com que a criança respire constantemente pela boca, o que favorece alterações como arcada dentária estreita ou a hipofunção dos músculos mandibulares.

Por este motivo, o acompanhamento precoce é fundamental porque além do tratamento, o ortodontista irá orientar os pais para que procurem um acompanhamento complementar para correção de obstruções nasais.

2. Disfunções na ATM (articulação temporomandibular)

Disfunções na articulação temporomandibular são causadas por diversos fatores, como o ranger dos dentes, mas uma má oclusão nesta região também é uma das causas do problema.

O quadro provoca fortes dores ao paciente, especialmente durante a mastigação, uma vez que há o tensionamento dos músculos da mandíbula.

Apesar de existirem intervenções cirúrgicas que corrijam tal problema, o diagnóstico precoce favorece um tratamento não invasivo, através de aparelhos ortodônticos, que visam realinhar a articulação temporomandibular e restaurar a qualidade de vida da criança, prevenindo contra uma série de problemas que podem ser desencadeados por esta condição.

3. Erupção dentária

A erupção dentária é um processo natural na infância, contudo, esta fase pode apresentar o desalinhamento entre os dentes da criança, sendo necessário a avaliação de um ortodontista para corrigir o problema.

Caso as alterações dentárias não sejam tratadas, a predisposição para outros problemas relacionados à harmonia facial pode surgir e prejudicar futuramente a qualidade de vida da criança.

4. Mordida cruzada

A mordida cruzada é um quadro onde os dentes superiores se encontram à frente dos inferiores durante a mordida. Esta condição favorece o desenvolvimento de outras alterações, como disfunções temporomandibulares, sendo necessária a avaliação de um ortodontista para o direcionamento correto.

Como é feito o tratamento?

O tratamento através da ortopedia funcional dos maxilares infantil consiste no acompanhamento periódico com o ortodontista onde são realizadas avaliações a fim de tratar e prevenir problemas que podem acometer a estrutura bucal.

Caso a criança tenha alterações já no início da vida, a abordagem de tratamento é feita através de aparelhos ortodônticos, que corrigem a mordida ou a má oclusão, prevenindo problemas futuros.

Entenda o papel dos pais durante o tratamento.

Para facilitar o tratamento e permitir que a criança tenha uma boa qualidade de vida, os pais podem fazer a diferença neste período incentivando-a a praticar a correta higiene bucal e também do aparelho ortodôntico. Além disso, é preciso orientá-la desde cedo a adquirir hábitos alimentares mais saudáveis que ajudarão na recuperação dos movimentos mastigatórios e evitarão problemas futuros.

Fontes: Revista Archives of Health Investigation, Repositório Institucional UNESP.

Agende sua consulta!

Entenda como cuidar da saúde bucal durante a pandemia da COVID-19, a doença causada pelo SARS-CoV-2, o novo Coronavírus.

Primeiro, precisamos entender o que é o Coronavírus: trata-se de uma família de vírus causadores de infecções no sistema respiratório. Os sintomas se assemelham aos de um resfriado comum ou uma gripe. Contudo, podem se agravar e gerar um quadro de pneumonia.

Sua transmissão se dá pelo contato com saliva e fluidos corporais como saliva, gotículas liberadas com a tosse e com o espirro. Por isso, todo cuidado é pouco e o contato físico deve ser evitado.

Mas, por se tratar de uma doença que se espalha tão rápido e facilmente, como cuidar da saúde bucal? Devo ir ao dentista?

Lave as mãos constantemente

Além dos cuidados que devemos ter em lavar as mãos e evitar aglomerações, a dentista Ana Araújo explica que a higiene bucal é essencial para evitar a contaminação do vírus. “Manter o uso correto do fio dental e da escova de dentes após o café da manhã, almoço e antes de dormir, evita problemas como cáries, tártaro e sangramento da gengiva, entre outros”.

A Higiene Bucal não deve ser deixada de lado

Mesmo em quarentena, não podemos descuidar dos hábitos de higiene bucal, uma vez que a boca é uma das principais vias de contágio do coronavírus. “Quando a higiene da cavidade bucal está adequada, as bactérias não são levadas aos demais órgãos do corpo, afastando os riscos de contágio”, revelou a profissional.

Trocar as borrachinhas do aparelho é necessário de tempos em tempos, entenda quando chega esse momento e o que você precisa fazer para cuidar da saúde da sua boca sem maiores desafios.

Os aparelhos ortodônticos são ferramentas muito úteis para corrigir a posição dos dentes e alinhar o sorriso. Cada parte do aparelho funciona em sinergia com a outra, aplicando força sobre os dentes e corrigindo o sorriso de forma planejada pelo dentista.

Quando devemos trocar as borrachinhas do aparelho?

A troca das borrachinhas é algo que o dentista deve recomendar. Normalmente, é algo que acontece a cada 20 ou 30 dias, durante as consultas. Nesse processo, o dentista irá analisar cada detalhe do seu aparelho e irá verificar se os braquetes, tubos metálicos e fios ortodônticos estão em bom estado, ou se precisam se trocados também.

A manutenção periódica é normal. O paciente não deve se espantar com a troca rotineira. Com tudo, se uma ou mais partes do aparelho estiverem quebradas, é necessário revisar os hábitos de alimentação e higiene.

Posso trocar as borrachinhas em casa, por conta própria?

De forma alguma. O aparelho ortodôntico não deve ser manuseado por mãos que não sejam do profissional dentista. Isso pode danificar o aparelho e ocasionar ferimentos na sua boca. Portanto, não arrisque.

Não busque ajuda de comerciantes, dicas em redes sociais e pessoas que prometem realizar a venda, troca ou manutenção do aparelho, a menos que se trate de um dentista devidamente certificado.

Com as consultas periódicas, você não terá motivos para se preocupar. O dentista irá avaliar a saúde da sua boca e as necessidades de troca e manutenção do seu aparelho. Portanto, mantenha seus compromissos com o dentista.

Chegou o momento de trocar de escova de dentes? Se as cerdas estão gastas, significa que você está fazendo seu trabalho e cuidando da saúde e higiene da sua boca e do seu corpo como um todo. Mas, agora é preciso comprar uma escova nova! E agora, como escolher a a escova de dentes ideal?

São tantas opções… Pegar a primeira escova que você vê e comprá-la não é exatamente a melhor opção. É preciso entender muito bem a função da sua escova de dentes e qual a melhor versão para a sua boca.

1) AS CERDAS SÃO TUDO!

Você pode até pensar: “gente, cerdas são todas iguais”. Mas é aí que você se engana. Esses tufinhos são responsáveis por varrer toda a sujeira dos seus dentes. Muitos dentistas recomendam aquelas mais macias que ajudam na remoção do acúmulo de placa bacteriana e restos de alimentos dos dentes e gengiva sem ferir o tecido gengival ou desgastar o esmalte dentário. No caso do sorriso ser composto por uma prótese dentária, o acessório precisa ser higienizado especialmente com uma escova de cerdas mais duras.

2) O FORMATO TAMBÉM IMPORTA

Muita gente não percebe, mas o formato da escova conta muito na hora da higiene, principalmente quando se trata da cabeça da ferramenta. Se você é o tipo de paciente que manteve os sisos ou tem a abertura da boca limitada precisa comprar o utensílio de cabeça pequena e arredondada. Assim é possível alcançar as áreas mais escondidas da boca durante a higiene e acabar com todo o excesso de placa nesses locais. Agora, se o seu sorriso não tiver nenhuma dessas exceções, pode optar por uma escova com cabeça maior.

3) EXISTE UMA ESCOVA IDEAL PARA O SEU SORRISO

Também tem aquele acessório que foi feito especialmente para o seu cartão de visitas. Se você usa aparelho fixo, por exemplo, existe a escova de dente ortodôntica. Ela tem cerdas em formato “V” que varrem toda sujeira além dos bráquetes e fios de aço. Para outros casos, tem a escova elétrica. Ela pode ser adquirida por qualquer tipo de paciente para facilitar a limpeza, principalmente, para quem precisa de uma ajudinha extra na hora da higiene, como idosos, crianças e pessoas com necessidades especiais, dando mais autonomia e garantia de uma limpeza caprichada durante a escovação.

4) PEÇA AJUDA AO SEU DENTISTA

Você ainda está na dúvida sobre qual escova levar? O jeito mais certeiro de tomar essa decisão sem errar é perguntando àquela pessoa que mais entende do assunto. Bom, dessa vez não é a sua mãe, mas seu dentista preferido. Ele mais do que ninguém e vai saber indicar a melhor escova de dente. Aproveite o contato e tire algumas dúvidas sobre higiene bucal, desde a maneira certa de passar o fio dental até a forma de usar o enxaguante. Atualizar seus conhecimentos nunca e demais e saber que está utilizando a escova perfeita para os seus dentes faz toda diferença na hora do ritual higiênico.

Prevenção
A prevenção é a base para saúde bucal e longevidade dos tratamentos odontológicos. A Be Clinic desenvolveu um Programa de Prevenção Educativo totalmente individualizado com orientações de higiene bucal e uma experiência única na realização da sua limpeza! Um olhar para o Diagnóstico de Doenças que acometem cabeça e pescoço priorizando a prevenção, diagnóstico precoce e tratamento.
Thanks for signing up. You must confirm your email address before we can send you. Please check your email and follow the instructions.
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup
Pacientes Oncológicos
A Be clinic projetou um Programa de cuidados com a saúde bucal do Paciente com diagnóstico de câncer devido a importância da saúde bucal antes, durante e após o tratamento oncológico. Além disso, realizamos a Laserterapia na prevenção e tratamento de MUCOSITES que são complicações frequentes durante a radioterapia e quimioterapia de cabeça e pescoço.
Thanks for signing up. You must confirm your email address before we can send you. Please check your email and follow the instructions.
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup
Sedação consciente com óxido nitroso
Pensando em seu bem-estar, a BE CLINIC oferece sem custos adicionais ao paciente, a sedação consciente com óxido nitroso em seus tratamentos. O paciente fica consciente do procedimento com o benefício da diminuição da ansiedade e sensibilidade, para aqueles que buscam maior conforto durante os procedimentos clínicos. Indicado principalmente aos pacientes com medo, agitados, sensíveis e também crianças especiais.
Thanks for signing up. You must confirm your email address before we can send you. Please check your email and follow the instructions.
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup
Planejamento 3D
A partir do Scanner Intraoral é possível fazer o planejamento do seu sorriso com uma precisão até então impossível! O seu sorriso ideal é pensado nos mínimos detalhes permitindo que você veja o projeto final do seu sorriso a partir da nossa Impressora 3D e  fazer o Test Drive do SEU sorriso, uma simulação em três dimensões de como você vai ficar em breve!
Thanks for signing up. You must confirm your email address before we can send you. Please check your email and follow the instructions.
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup
Radiografia Digital
O sistema digital reduz em até 90% a dose de radiação utilizada em comparação ao convencional, além de melhorar a interpretação da imagem com possibilidade de trata lá em software especifico. As imagens são obtidas imediatamente, agilizando o processo radiográfico e diagnóstico. Além de um enorme benefício ao ambiente por não utilizar produtos tóxicos na revelação. Há uma melhoria na comunicação entre profissionais e paciente e segurança no arquivamento das imagens.
Thanks for signing up. You must confirm your email address before we can send you. Please check your email and follow the instructions.
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup
Scanner Intraoral
Velocidade e Precisão! Pense em sua boca completamente escaneada em menos de dez minutos! É disso que estamos falando. Esqueça aquela forma ultrapassada de moldar a sua boca! Você deve se recordar de quando precisava esperar a massa secar e muitas vezes era necessário refazer o molde! Com o Scanner IntraOral na Be Clinic o dentista consegue escanear a boca do paciente em 3D e com este documento no computador ele faz o PLANEJAMENTO 3D, modelo impresso, moldagem de prótese e guarda uma cópia fiel dos seus dentes!
Thanks for signing up. You must confirm your email address before we can send you. Please check your email and follow the instructions.
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup
Microscopia Odontológica
Com o uso do microscópio, toda a parte de restauração, inclusive de CANAL, ganha um aliado na qualidade e precisão. O que sempre foi feito à olho nu, agora com a tecnologia microscópica está muito melhor por ampliar a visão do dentista muito além do que ele conseguia visualizar isso significa precisão e qualidade no seu atendimento.
Thanks for signing up. You must confirm your email address before we can send you. Please check your email and follow the instructions.
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup
Câmera Digital Intra-Oral
A câmera intraoral é uma ferramenta de auxilio na detecção e prevenção de doenças bucais. Ela magnifica a parte interna da boca do paciente auxiliando não só o profissional mas também revelando ao paciente a necessidade do tratamento e do cuidado de algumas áreas além de mostrar ao paciente o que precisa ser feito e o que está sendo realizando pelo dentista. Dentes, língua, gengivas e demais partes são evidenciados com o uso desta tecnologia.
Thanks for signing up. You must confirm your email address before we can send you. Please check your email and follow the instructions.
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup
Cirurgia Guiada
A odontologia vem inovando cada vez mais buscando gerar conforto e qualidade de vida aos pacientes. A Be Clinic possui profissionais qualificados que vão atrás de aperfeiçoamentos para oferecer aos seus pacientes o que há de melhor. Agora os implantes dentários podem ser feitos sem que haja necessariamente corte com a lâmina. Nas cirurgias de implantes guiados por computador as perfurações são feitas apenas com a broca. ( Leia Mais em nosso BLOG )
Thanks for signing up. You must confirm your email address before we can send you. Please check your email and follow the instructions.
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup
Dra. Marina Naves
Cirurgiã Dentista graduada pela Universidade de Uberlândia e Especialista em Periodontia e Implantodontia. Doutora em Odontologia UFU. Responsável na BE CLINIC pela Periodontia, cujo foco é o cuidado com a saúde e estética dos tecidos gengival e óssea ao redor dos dentes, com ênfase em Digital Smile Design (DSD). Na Implantodontia, busca-se reabilitar regiões de perdas dentárias com implantes dentários, associados a técnicas de regeneração óssea e gengival.
Thanks for signing up. You must confirm your email address before we can send you. Please check your email and follow the instructions.
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup
Dra. Priscilla Porto
Cirurgiã Dentista graduada pela Universidade de Uberlândia e Especialista em Periodontia. Responsável na BE CLINIC pela Prevenção, Saúde Bucal e Estética Gengival, fundamentais para a saúde buco-gengival, integridade das estruturas que envolvem os dentes e seu sorriso.
Thanks for signing up. You must confirm your email address before we can send you. Please check your email and follow the instructions.
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup
Dra. Cristiane Caram Melo
Formada pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), Especialista em Endodontia (UFU) e Mestre em Reabilitação Oral (UFU). É Professora de Endodontia e Microscopia Operatória dos Cursos de Especialização da UNITRI e IQO/AVANTIS. Sua clínica tem um altíssimo nível de excelência, pois busca a constante superação dos padrões técnicos e científicos atuais. Nos últimos 5 anos, Cristiane Melo Caram, vem desenvolvendo a Endodontia Moderna e a Microscopia Operatória sendo uma das pioneiras deste tratamento com conceitos modernos na região do Triângulo Mineiro.
Thanks for signing up. You must confirm your email address before we can send you. Please check your email and follow the instructions.
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup
Dra. Marília Andrade
Realiza atendimento odontológico para pacientes oncológicos pois fez aprimoramento em Estomatologia no AC Camargo Cancer Center em São Paulo, referência nesse tipo de atendimento no Brasil. Também é mestre e doutora em Patologia Oral e atua no diagnóstico e tratamento das diversas lesões bucais. Se vc é paciente oncológico e necessita de tratamento odontológico ou possui alguma lesão ou desconforto em boca que precisa de diagnóstico e tratamento, procure a BeClinic que será um prazer atendê -los
Thanks for signing up. You must confirm your email address before we can send you. Please check your email and follow the instructions.
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup
Dr. Danilo Cunha
Cirurgião Dentista graduado pela UFU, com Especialização e Mestrado em Ortodontia pela Fundação Hermínio Ometto, membro reconhecido da Associação Brasileira de Ortodontia (ABOR), atualmente é doutorando em Engenharia Biomédica pela Universidade Federal de Uberlândia. Responsável na BE CLINIC pela Ortodontia e Ortopedia Facial, DTM, e Dor Orofacial, Ronco e Apnéia do Sono. O Dr. Danilo é referência regional no tratamento INVISALIGN, aparelho ortodôntico estético.
Thanks for signing up. You must confirm your email address before we can send you. Please check your email and follow the instructions.
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup
Dr. Júlio Bisinoto
Cirurgião Dentista graduado pela UFU, com residência em Cirurgia e Traumatologia Buco-Maxilo-Facial em SP, Mestre em Clínica Odontológica pela Faculdade de Odontologia da Universidade Federal de Uberlândia. Membro do corpo clínico dos hospitais Madrecor e Santa Clara. Responsável na BE CLINIC, pela área de Implantes dentários, extrações de dentes inclusos e erupcionados, além das cirurgias para finalidades ortodônticas. Bichectomia, Cirurgia ortognática, reconstrução óssea, Cirurgias para correção de fraturas faciais e tratamento das desordens da Articulação Temporomandibular.
Thanks for signing up. You must confirm your email address before we can send you. Please check your email and follow the instructions.
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup
Dra. Tamara Souto
Graduada em Odontologia pela Universidade Federal de Uberlândia, Especialista em Ortodontia pela Fundação Araraquarense de Ensino e Pesquisa em Odontologia; Invisalign Doctor, atua nas áreas de Ortodontia e Ortopedia Funcional dos Maxiliares. Responsável na BE CLINIC pela Ortopedia Funcional dos Maxilares, que acompanha o desenvolvimento da face de crianças e adolescentes de 2 a 14 anos de idade, prevenindo e corrigindo possíveis alterações.
Thanks for signing up. You must confirm your email address before we can send you. Please check your email and follow the instructions.
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup
Dra. Renata Maria
Cirurgiã Dentista graduada pela Universidade Federal de Uberlândia, tem especialização em Odontopediatria pela Faculdade Uningá, é Mestre em Clínica Odontológica Integrada com ênfase em Odontopediatria pela UFU. Responsável na BE CLINIC pelo atendimento em ODONTOPEDIATRIA considerando os aspectos comportamentais, educativos, preventivos e curativos para bebês e crianças de 0 a 12 anos de idade.
Thanks for signing up. You must confirm your email address before we can send you. Please check your email and follow the instructions.
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup
Dra. Beatriz Costa Vinhal
Cirurgiã Dentista graduada pela Universidade de Uberaba, tem especialização em Endodontia e Dentística. Responsável na BE CLINIC pelo atendimento de Endodontia e Dentística, que trata os canais radiculares, infecções, inffllamações e tudo que está relacionado ao sistema radicular do dente. Já a Dentística é a área que reabilita a função, a estética e a oclusão por meio de restaurações, sejam diretas ou indiretas, individuais ou em grupo. Atua na área de Diagnóstico, Estética e Prevenção. Coordena a equipe da Be clinic.
Thanks for signing up. You must confirm your email address before we can send you. Please check your email and follow the instructions.
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup
Dra. Kelen Souza
Formada em Odontologia pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), Mestrado em Odontologia com ênfase em Diagnóstico UFU, Doutorado em Patologia Geral pela Universidade Federal do Triângulo Mineiro. Especialista em Dentística e Patologia Bucal. Membro da Associação Brasileira de Estomatologia, Estética e associada a Associação Brasileira de Dor Oro Facial. Atuou como professora da UFU nas disciplinas de Patologia Bucal. Atua na área de Diagnóstico, Estética e Prevenção. Coordena a equipe da Be clinic.
Thanks for signing up. You must confirm your email address before we can send you. Please check your email and follow the instructions.
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup
Implantes Dentários
A Implantodontia destina-se a reabilitar ausências de dentes com implantes dentários, que são parafusos de titânio instalados intra-ósseos, que recebem uma prótese sobre eles, a fim de restabelecer estética e função mastigatória. Para que estes implantes sejam instalados, pode ser necessário a realização de enxertos ósseos e gengivais previamente ou concomitante à instalação. 
Thanks for signing up. You must confirm your email address before we can send you. Please check your email and follow the instructions.
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup
Day Clinic
Caso o paciente não more na cidade, esteja de passagem ou não consiga fazer o tratamento no tempo habitual, oferecemos o DAY CLINIC, para agilizar todos os procedimentos com a máxima rapidez. Neste formato de atendimento a clínica fica pronta e disponível para o paciente seja qual for sua necessidade. São realizados um número maior de procedimentos em um único ou poucos dias, incluindo exames, moldagens assim como a área protética reduzindo dessa forma o tempo do tratamento odontológico. Agende sua avaliação para darmos início ao seu tratamento! A rapidez e qualidade são marca registrada da BE CLINIC.
Thanks for signing up. You must confirm your email address before we can send you. Please check your email and follow the instructions.
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup
Odontologia Estética
A Be Clinic em conjunto com paciente desenvolve um projeto único para cada paciente em busca da satisfação e beleza! Essa área conta com especialistas de Prótese, Dentística, Ortodontia, Cirurgia Buco-Maxilo, Periodontia, Implantodontia, Dermatologia e Cirurgia Plástica. Nossa missão é proporcionar Harmonização da face, sorriso, dentes e gengivas.
Thanks for signing up. You must confirm your email address before we can send you. Please check your email and follow the instructions.
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup
Alinhadores Invisíveis
Muito além de corrigir a posição dos dentes para uma aparência melhor, a utilização de aparelhos ortodônticos podem ter a função de corrigir a mastigação, má oclusão, a fala e até mesmo a qualidade da respiração, além da finalidade estética. Na Be Clinic atendemos todas estas necessidades de nossos pacientes de todas as idades e temos em nosso corpo clínico profissionais especializados e credenciados nos aparelhos dentários transparentes Invisalign. Estes alinhadores são praticamente invisíveis e reposicionam os dentes para que o paciente consiga o sorriso que deseja! O Invisalign pode ser removido para alimentação, uso do fio dental e escovação; Ele é personalizado e confortável.
Thanks for signing up. You must confirm your email address before we can send you. Please check your email and follow the instructions.
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup
Cirurgia
A cirurgia Buco-Maxilo-Facial trata doenças e tumores da boca, corrige anomalias faciais como maxila ou mandíbula muito grande, pequena ou desviada para os lados. O especialista domina traumas da face e ossos do crânio, enxertos para reposição de osso na maxila e mandíbula, ATM e problemas de apneia do sono.
Thanks for signing up. You must confirm your email address before we can send you. Please check your email and follow the instructions.
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup
Endodontia / Tratamento de Canal
Basicamente o tratamento endodôntico (canal) se resume numa completa eliminação do tecido pulpar (nervo) de dentro do canal radicular e posterior obturação. Ele pode ainda ser realizado em casos de traumatismos dentais, infecções ou por necessidades restauradoras. Tudo isso é feito rapidamente e sem dor e pode ser realizado em apenas uma consulta. O tratamento endodôntico já foi motivo de muito medo, atualmente, com técnicas modernas, novos aparelhos e tecnologias, ele se tornou uma simples intervenção odontológica.
Thanks for signing up. You must confirm your email address before we can send you. Please check your email and follow the instructions.
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup
Periodontia / Cirurgias Gengivais
A Periodontia é a área da Odontologia que cuida dos tecidos gengival e ósseo da cavidade bucal. Os tratamentos envolvem cirurgias estéticas para correção de sorriso gengival, enxertos gengivais, controle e tratamento de inflamações/infecções na gengiva que levam a perda óssea nos dentes e implantes dentários.
Thanks for signing up. You must confirm your email address before we can send you. Please check your email and follow the instructions.
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup
Ortopedia
A Ortopedia Funcional dos Maxilares acompanha o desenvolvimento da criança e soluciona desequilíbrios ósseos, musculares e mastigação. A partir dos dois anos de idade, a criança já precisa ser avaliada por um Ortopedista Funcional dos Maxilares, prevenindo complicações futuras como problemas posturais, disfunções articulares, dificuldades na fala e mal posicionamento dos dentes e ossos.
Thanks for signing up. You must confirm your email address before we can send you. Please check your email and follow the instructions.
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup
Prótese
Prótese dentária é a ciência responsável por devolver estrutura dentária para dentes parcialmente comprometidos ou reabilitar elementos que foram totalmente perdidos. A arte de reabilitar visa restaurar a forma perdida, devolver função e estética, e manter a saúde bucal do paciente. Para isso existem diferentes tipos de próteses que irão se adaptar às necessidades específicas de cada indivíduo.
Thanks for signing up. You must confirm your email address before we can send you. Please check your email and follow the instructions.
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup
Odontologia para Adolescentes
A Be Clinic idealizou um Programa Preventivo direcionado ao atendimento do adolescente, pensando nessa fase que é a passagem gradual entre a infância e o estado adulto e se caracteriza por profundas transformações psicológicas e sociais. Oferecemos uma abordagem cuidadosa, criteriosa e sensível a fim de contribuir para que cheguem à vida adulta de maneira saudável.
Thanks for signing up. You must confirm your email address before we can send you. Please check your email and follow the instructions.
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup